Eu quero parar: como largar o tabagismo

Segundo dados da edição 2020 da Vigitel, pesquisa do Ministério da Saúde, a taxa de fumantes com 18 anos ou mais no Brasil é de 9,5%. O número é menor que o de 2019: 9,8%. Isso mostra um avanço nas ações que buscam incentivar pessoas a largar o fumo, alertando sobre os males que esse hábito traz à saúde. Entre eles, estão vários tipos de cânceres, como de pulmão, boca e rim.

Veja agora algumas dicas para deixar esse vício para trás.

Procure um profissional

Além do psicólogo, você também pode consultar o cardiologista ou o pneumologista. Converse e veja qual o melhor tratamento para o seu caso.

Tenha paciência

Afinal, por que é tão difícil abandonar o cigarro? Acontece que as substâncias dentro dele – mais de 4.700 – causam dependência, sendo a nicotina a principal. Ao ficar sem fumar, a pessoa sente ansiedade, se irrita facilmente, tem dificuldade de se concentrar e enfrenta problemas com o sono, podendo dormir demais ou muito pouco. Essa fase em geral dura até três meses.

Mude o cenário à sua volta

Não deixe isqueiros e maços de cigarro ao seu alcance, seja em casa, no seu carro ou no local de trabalho. Caso contrário, você poderá vê-los e se esquecer de parar de fumar.

Distraia sua vontade

Aprenda a lidar com sua vontade. Ela dura de 2 a 10 minutos, mas não vai parar de aparecer tão rápido. Quando ela chegar, faça algo para disfarçar. Por exemplo, beber um copo de água gelada, chupar uma bala de gengibre ou fazer exercícios de respiração.

Relaxe

Falando em exercícios, outra boa dica é aprender técnicas de relaxamento para aliviar o estresse do processo. Além de treino de respiração, existem técnicas de atenção plena e atividades manuais, como artesanato, culinária e jardinagem. Realize uma caminhada tranquila, ouça uma boa música.

Faça higiene bucal

Muitos fumantes têm o hábito de acender um cigarro depois de uma refeição. Por isso, assim que acabar de comer, vá logo escovar seus dentes ou faça bochechos com enxaguante bucal.

E a bebida alcoólica, será que também atrapalha?

A resposta é sim. Ela faz o corpo eliminar mais nicotina e a pessoa sentir mais necessidade de fumar. Portanto, cuidado com o álcool.

Ocupe-se

Arrume algo para preencher seu tempo. Pode ser um curso, um esporte ou mesmo um passeio. Procure unir o útil ao agradável, faça algo de que gosta. Você verá que é possível ter prazer sem fumar.

Mexa-se

Exercícios físicos, além de diminuir a vontade de fumar, compensam o aumento de peso que acontece ao se estar longe do cigarro. São bons também para incentivar a ter hábitos mais saudáveis.

O papel na formação de laços

Outro motivo que leva pessoas a fumar é que fica mais fácil abrir o coração, contar o que sente, e assim formar mais laços sociais e afetivos. É bom começar a pensar em outras formas de fazer amigos e dividir com eles suas confidências. Isso não é difícil, você verá.

Terapia pode ajudar

Se fuma para aliviar sinais de angústia ou tristeza, o ideal é procurar ajuda do seu psicólogo. Na terapia, converse com ele sobre o motivo do seu mal-estar emocional.

Conte com a UNIICA!

Fontes de referência: VivaBem, Inca, Bradesco Seguros, O Globo

Eu quero parar: como largar o tabagismo
Rolar para o topo
Skip to content