Mês azul: câncer de próstata e autoestima

O diagnóstico de qualquer tipo de câncer traz inúmeras preocupações para uma pessoa. Os efeitos da quimioterapia e da radioterapia, como perda de peso, queda de cabelo e pelos e mudança na cor da pele, afetam de forma negativa a maneira como o paciente se vê. O câncer de próstata é um caso especial, pois afeta a autoestima masculina.

Um paciente de personalidade frágil pode apresentar ansiedade, depressão e até mesmo abandonar o tratamento. Existe ainda uma grande resistência por parte dos pacientes com algum problema psicológico. Isso é mais comum entre os homens, que tendem a não ter um cuidado tão grande com a própria saúde.

É importante que o diálogo do paciente durante o tratamento seja claro e sincero, tanto com o profissional de saúde quanto com a família. Todos devem respeitar os limites e os desejos do homem, que terá dias bons e ruins e passará por várias alterações de humor.

Uma grande preocupação é com a sexualidade, a qual pode ser afetada pelo cansaço, mudanças corporais e emocionais, principalmente o sentimento de angústia. Assim, torna-se útil compartilhar com o profissional de saúde as dificuldades enfrentadas, pois isso ajudará na recuperação da autoestima e da virilidade.

Na UNIICA, oferecemos assistência psicológica a pacientes do câncer de próstata. Você pode entrar em contato pelo fone (41) 3271-5855.

Fontes de referência: Abrale, Holiste, O Nacional

Mês azul: câncer de próstata e autoestima
Voltar ao topo